Arquivo | maio 2012

Você sofre com cãibras?

Tem dias que fico angustiada com isto!

Nas coxas, nas mãos, nos braços e até na costela! Fiquei sabendo que um ótimo suco para quem tem esse problema, é o de BANANA COM COCO. Isto porque é uma bebida rica em sais minerais, principalmente potássio. E bom porque é super fácil de fazer.

Bater no liquidificador 1 banana + 1 copo de água de coco até que a banana se integre totalmente.  Nem precisa adoçar.

Vale a pena experimentar!

Maestria

“Torne puro cada momento seu: entenda a diferença entre o comum e o divino.

Lembre-se que você é o Mestre de sua mente e corpo,

então dê a eles suas instruções e mantenha-os em ordem.

À medida que você aprende a dizer à sua mente o que fazer,

velhas maneiras de pensar e fazer mudarão.

Você não verá mais as coisas como elas parecem ser

mas como elas realmente são.

Você reage menos, responde mais.

Sua simples presença será um convite para a verdade.

Todos serão beneficiados.”

Brahma Kumaris

O Brasil está crescendo

Crescendo e desabaladamente em falcatruas e casos inexplicáveis. Crescendo em miséria do povo, em dificuldade pra enfrentar o dia a dia sem saúde, sem educação e sem segurança total. Crescendo em falta de qualidade de vida pra maioria. Crescendo na falta de condições de explicar aos novos que aí estão chegando o que é patriotismo.

Cada dia mais a gente se sente desacatado pelo poder público. Roubo atrás de roubo e nada acontece pra modificar a situação. Enquanto isto vamos ficando cada vez mais pobres, mas necessitados de tudo que seria direito como cidadão que contribui com seus impostos e sua a camisa pra cumprir direitinho cada um de seus compromissos. Acenam com a baboseira de queda nos juros (cartão de crédito, cheque especial, renegociação de dívidas e outros) e quando vai se ver como funciona na realidade é algo bem diferente. Experimente renegociar uma dívida com o INSS ou solicitar um empréstimo com juros bem baixos como anunciados. Só conseguirá se puder pagar em tempo record e então as parcelas acabam por extrapolar seu orçamento. Sobreviver tem sido realmente uma façanha de super-heróis. Enquanto isto………parcela da sociedade vive lauta e tranquilamente.

Parabéns ao especial de minha vida

(Quem teve ou tem proximidade com alguém chamado “especial” vai entender o que coloco)

22/5/12 –  Aniversário de meu irmão.

63 anos!

Parabéns, querido!

Você é uma parte de mim que nem explico.

Nascemos com pequena diferença de tempo.

E você sempre foi tão diferente!

Desde o tempo, muito pequenos, que me lembro.

Sempre lhe cuidei.

Segurava seus suspensórios quando corríamos,

pra que você não invadisse a rua.

No cinema controlava suas euforias falantes,

acompanhava você na escola quando chorava

e queria voltar pra casa, sentindo-se seguro só quando eu estava.

E depois, sempre, fiquei ouvindo o que você falava.

Teve seus irmãos imaginários

e eu os conhecia um a um, com nomes e formas.

Tive ciúmes de você com nossos pais,

pois achava que era sempre o predileto, o escolhido, o afagado.

Teve dias de Natal que você recebeu o que queria

e eu fiquei na querença.

Houve dias de nós dois doentes e então se equiparava.

Mas sempre estivemos juntos, amado.

E até hoje lhe tenho como um menino.

Até porque menino você permaneceu.

É especial como hoje designam pessoas como você.

E eu agradeço a Deus por tê-lo em minha vida,

pois foi grande a experiência que ganhei vivendo ao seu lado.

Queria aprender a ser feliz como é.

Porque quando pergunto: você é feliz?

Sempre responde com aquele sorriso só seu:  lógico que sou!

Queria aprender a ter dores físicas como você, que nem reclama.

Sei que tem porque vou notando suas ações e posturas.

Amor, querido irmão, você é o maior e melhor presente que tive em minha vida.

É e será sempre o maior exemplo de decência e felicidade que a gente pode ter.

Gosta, gosta muito e demonstra a cada um.

Não gosta?

Acho que nunca vi ou ouvi  quem você não gosta.

É sempre um pequeno que se expande em sentimentos.

Vibra quando seu time verdão vence e fica muito bravo quando é o contrário.

Mas daí é sempre culpa do juiz.

Baseado num desenho animado (Timão e Pumba), é linda a forma que fala

sempre ao olhar pra seu sobrinho-neto mais velho: Meu amigo Timão!!

Nunca o ouvi falar mal de alguém.

Sei que gosta de quem eu gosto, mas nunca o vi falar ou desgostar de quem não gosta.

Realmente você é muito perfeito.

Por isto talvez seja especial ou excepcional.

Deus lhe proteja sempre, querido.

Eu amo você.


Sertaneja


Desde de muito jovem ou, até se pensar bem, desde criança, tenho uma enorme atração pelas músicas sertanejas de raiz.

Daquelas que contam histórias tristes, que falam de saudade, de alguém distante, de busca constante de um amor ou de um lugar que parece irreal.

Até hoje, já no outono da vida, sinto uma atração ardente. Algo que não consigo explicar bem. Ouço e ouço as músicas sem me cansar, mesmo que elas se repitam no decorrer de todo o tempo e sempre sinto a mesma emoção.

Quando trabalhava e ficava horas e horas em reuniões, geralmente técnicas ou políticas, ia anotando tudo o que interessava para poder preparar atas e relatórios extensos e precisos. Além dos relatórios devia tomar todas as providências de realização do que se deliberava. Eram muitas as horas de trabalho e geralmente iam pela noite adentro. Mesmo assim, chegando em casa muito cansada, o que me descansava era colocar os discos pra tocarem e ficar por mais um bom tempo ouvindo.

Era nesse espaço que eu escrevia muito como que em desabafos, chegando até as lágrimas por muitas vezes. Era então que me perguntava o que estava eu fazendo ali, que não era meu lugar, que não tinha nada a ver comigo tudo o que me cercava e a realidade que vivia. Tinha uma saudade profunda de um lugar distante que nunca conclui qual era. Sentia até o cheiro da terra, das estradinhas batidas, da casinha muito simples na beira de um caminho que não identificava. Meu coração batia de vontade de rever pessoas, de abraçar gente que eu sentia que seria a minha gente.

Sempre escrevi coisas que falavam disso tudo e falava muito em saudade, em dor de falta. Nunca descobri que saudade doída era aquela e dor do que eu sentia. E até hoje ainda sinto que estou fora de lugar, que ainda não cheguei lá.

E onde será esse lá que tanto sonho e quero? Quem será a gente que procuro? Vou matar a saudade um dia?

Deve ser algo atávico, pois nunca vivi fora da cidade, mesmo tendo morado em cidade pequena de interior. Nunca tive uma convivência rural nem de local nem de pessoas.

Certeza só de que lá dentro de mim, bem no fundo, tem um cantinho feito só de locais e pessoas que nunca conheci nem consigo identificar com realidade. Falando assim parece coisa meio esquizofrênica, algo necessitando de atendimento psíquico, mas sei que é algo calmo, sereno, de um atavismo que se mostra latente.

Só assim posso explicar o que sinto quando toca o berrante e me sinto como se já tivesse ido em comitiva pelo campo afora, tocando a boiada. Como se ansiasse por chegar à casa e aos braços que me esperam simples e aconchegantes.

Enquanto não chego lá, sei onde, ouço e ouço as músicas que me tocam tão profundamente, com cheiro de mato e terra, repetindo meu lamento, as vezes um grito: eu não sou daqui!

Feng Shui – Harmonize sua casa

Gosto muito de pesquisar e ler sobre produtos naturais, filosofias e técnicas para melhorias do conjunto de nossa vida. Acredito mesmo que encontramos tudo na natureza e que algumas técnicas aplicadas com seriedade e estudos profundos e de muito tempo, só podem ser úteis e contribuir para o bem da saúde, da harmonização e do bem estar. E aqui quero repartir algumas informações que considero de importância e que podem acrescentar ao bem viver.

“O Feng Shui é uma técnica milenar chinesa, popularizada nas últimas décadas, que pode nos ajudar a harmonizar diversas áreas da vida, como a financeira ou a de relacionamentos, por exemplo. Para que isso aconteça, é preciso aplicar nos ambientes a decoração certa para cada lugar. Isso pode ser feito por meio do uso de cores e tecidos; ou de elementos, como vidro, madeira e metal. Também é possível organizar a disposição dos móveis ou aproveitar os benefícios da presença do sol e da água nos ambientes. É interessante pensar que o Feng Shui começou com simples observações sobre os ambientes e os efeitos que causavam na vida das pessoas, ao ponto de se reconhecerem padrões que se cristalizaram num conjunto de regras que hoje proporcionam o bem-estar e o sucesso para aqueles que o aplicam em seus lares.

Confira abaixo 12 dicas essenciais que podem ajudar você a deixar sua casa ainda mais harmonizada:

  • Ambientes com muitas pontas, como arestas nas paredes e prateleiras pontiagudas, não costumam oferecer tranquilidade aos habitantes. Já cores fortes como preto, vermelho e roxo, podem incitar discussões e emoções acaloradas. O ideal para quem precisa de momentos de calmaria é o uso de tons calmantes de azul.
  • O excesso de espelhos nos quartos – principalmente junto às camas – e de aparelhos eletrônicos, prejudica o sono e o descanso.
  • Mantenha todos os ambientes limpos, pois se existe sujeira em uma determinada área, a energia vital não circula no ambiente, podendo atrair doenças.
  • As portas e janelas devem abrir totalmente, sem nenhum impedimento, assim, as oportunidades podem de fato adentrar nos ambientes e também em nossas vidas.
  • Deve haver amplo espaço para circulação entre móveis, para que a energia também possa circular livremente pela área, trazendo vitalidade e uma sensação de paz e harmonia.
  • Uma casa iluminada e ventilada é fundamental para permitir a circulação da energia vital, além de não deixar nenhuma área estagnada. Para isso, é preciso que o ambiente receba uma boa dose de luz solar.
  • Plantas e animais também ajudam a equilibrar as energias.
  • Portas em corredores devem ficar fechadas para evitar disputas na casa, já que a energia se dispersa em muitos cômodos. Do mesmo modo, latas de lixo e tampas de vasos devem ficar tampadas para prevenir que a energia vital do ambiente seja drenada.
  • Fogões bem limpos e o uso rotativo de todos os objetos da casa atraem prosperidade, pois nada fica esquecido ou sem utilidade.
  • É fundamental evitar a presença de quartos bagunçados, assim como objetos embaixo de camas ou sobre armários para não atrapalhar nosso descanso, evitando igualmente sentimentos opressores e depressivos.
  • Quadros nas paredes devem representar boas coisas. Quem quiser atrair um amor, por exemplo, deve evitar expor figuras que remetam à tristeza ou à solidão.
  • Não conserve objetos que lhe tragam memórias ruins, mesmo que nem sempre você associe o objeto a uma determinada pessoa ou situação.”

(Matéria retirada do site Personare – Autora: Vanessa Mazza – graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP)