Ciranda, cirandinha…

“Ciranda, cirandinha, vamos todos cirandar…”

E da roda entrei na ciranda real.

“Vamos dar a meia volta, volta e meia vamos dar…”

E a meia volta existiu pra nunca mais voltar.

“O anel que tu me destes era vidro e se quebrou,

o amor que tu me tinhas era pouco e se acabou.”

E a ciranda da roda se tornou a roda da vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s