Um dia imperfeito

Fui solicitada a colaborar pra se fazer uma redação curta, para um exame que nem me lembro qual, cujo tema devia ser “Um dia imperfeito”. Pensei e repensei e quase não chegava a  uma conclusão e nem conseguia ajudar quem me pediu. Resolvi apelar para o dicionário pra ver se encontrava uma solução e inspiração pra escrever sobre algo assim.  Achei que um dia imperfeito seria vazio. E daí, buscando o vazio e seu significado, concluí:

NADA É A CONDIÇÃO DE VAZIO TOTAL.

Um dia vazio nunca poderá ser perfeito.
Ser vazio de acontecimentos bons ou maus, vazio de sensações,
vazio de emoções, vazio de sorrisos ou lágrimas, vazio de notícias
das pessoas que se ama ou até dos desafetos, tudo representa um dia não perfeito.

Acordar e não ter pra onde ir,
não constar nenhum objetivo,
não ter nada a requisitar nem ser solicitado pra coisa alguma.

É um dia nada perfeito, feito de nada.

Não ter com quem falar e até por isso não poder escutar.
Não encontrar o que ver e sentir-se cego por isso.

Tudo isto que compõe o vazio, é o contexto de um dia nada, nada perfeito.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s