Saudade

O dia é a expressão da saudade.

A saudade que chora,

a saudade que inunda e tudo carrega.

Só eu não vou na enxurrada

e fico pensando em você

e fico doendo de amor.

Uma dor mansa, profunda e indelével.

Eu sei que essa dor vai ficar

e a inundação do choro no tempo

e a enxurrada do mar de vazio

e a força da própria expressão,

jamais poderá apagar.

Tudo passa no tempo

e o próprio tempo vai passando,

mas o amor persiste

e o tempo que passa no tempo,

não pode a saudade levar.

SK/70

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s